Vila Nova e América-MG ficam no empate no Serra Dourada

Vila Nova e América-MG estrearam seus técnicos na tarde deste sábado, no estádio Serra Dourada, mas ambos não terão grande lembrança do embate pela 10ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Em duelo com muitos erros técnicos, o placar ficou no 1 a 1 ao final do jogo, com Juninho abrindo o placar para os visitantes e Diego Jussani igualando para os donos da casa.

Os comandados goianos de Marcelo Cabo, 15º no torneio com 11 pontos, seguem a sua caminhada na segunda divisão às 19h15 (de Brasília) da terça-feira, quando visitam o Coritiba, no Couto Pereira. No mesmo dia, mas às 21h30 (de Brasília), Felipe Conceição e os mineiros, com seis e na 19ª posição, voltam ao Independência para receber o Oeste.

Gols anulados e reclamação

O primeiro tempo da partida teve a bola na maior parte do tempo nos pés dos donos da casa, mas com poucas chances clara de gol. Os melhores lances ficaram pelos tentos anulados pela arbitragem, um para cada lado, ambos com polêmicas.

Quem fez o primeiro foi o América, que viu Jonatas Belusso aproveitar recuo mal feito de Wesley Matos e encobrir Rafael Santos. O auxiliar, porém, marcou impedimento na origem do lance, um lançamento de Juninho para o ataque, em que Belusso parecia ligeiramente adiantado.

Já próximo do intervalo, o Vila teve a sua ocasião para reclamar. Rafael Santos chutou da sua área e, quando a bola já estava quase na linha da área mineira, Ricardo Silva cabeceou para trás. Bruno Mota, em lance muito semelhante ao do Coelho, tocou na saída do goleiro e saiu para comemorar, mas o auxiliar manteve o critério e anulou o lance.

Zero sai do placar, mas empate, não

O Vila quase abriu o placar no começo da etapa final, quando Alan Mineiro cobrou falta e Felipe Rodrigues finalizou para boa defesa de Jori. Logo no contra-ataque desse lance, porém, saiu o tento inaugural: Zé Ricardo bateu da entrada da área, Rafael Santos deu rebote para a frente e Juninho, livre, teve espaço para tocar no canto do goleiro e fazer 1 a 0.

Os donos da casa demoraram um pouco a assimilar o golpe, mas conseguiram manter pressão a partir dos 20 minutos da etapa final. Depois de uma série de bolas alçadas na área, o gol enfim saiu para os goianos. Alan Mineiro, sempre ele, cruzou na marca do pênalti e Diego Jussani cabeceou no ângulo esquerdo. Jori havia dado um passo para o lado e não conseguiu voltar.

O jogo ficou aberto, mas ambas equipes mostraram muita dificuldade para criar chances. Os técnicos promoveram quatro alterações nos 15 minutos finais, mas nenhuma delas conseguiu ser efetiva. Alan Mineiro ainda bateu uma última bola na área antes do apito final, mas o juiz viu falta antes que qualquer perigo rolasse.

FICHA TÉCNICA
VILA NOVA 1 X 1 AMÉRICA-MG

Local: Serra Dourada, Goiânia (GO)
Data: 20 de julho de 2019 (Sábado)
Horário: 16h30 (de Brasília)
Árbitro: Emerson Ricardo (BA)
Assistentes: Alessandro Alvaro Rocha de Matos (BA) e Edevan de Oliveira Pereira (BA)
Cartão amarelo: Willian Maranhão (América-MG)
Gols:
VILA NOVA: Diego Jussani, aos 33 minutos do segundo tempo
AMÉRICA-MG: Juninho, aos 12 minutos do segundo tempo

VILA NOVA: Rafael Santos; Felipe Rodrigues, Wesley Matos, Diego Jussani e Romário; Ramon, Neto Moura (Elias) e Alan Mineiro; Mateus Anderson (Facundo Boné), Bruno Mota e Alan Carius (Erick)
Técnico: Marcelo Cabo

AMÉRICA-MG: Jori; Leandro Silva, Paulão, Ricardo Silva e Sávio (Geovane); Zé Ricardo, Willian Maranhão, Juninho e Mateusinho; Felipe Azevedo (França) e Jonatas Belusso (Júnior Viçosa)
Técnico: Felipe Conceição




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.