Suzano: atirador morava com o avô; pais eram dependentes químicos

Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, um dos atiradores responsáveis pela morte de seis alunos e duas funcionárias da Escola Estadual Raul Brasil, na manhã desta quarta-feira (13), em Suzano (SP), teria ameaçado colegas dias antes do ataque. Segundo informações obtidas pela “Veja”, ele morava com o avô e não tinha contato com os pais, que são dependentes químicos.

Um aluno da escola, que pulou o muro e conseguiu fugir, contou à revista que Guilherme encontrou alguns colegas em um shopping, há três dias, e os avisou para “ficarem espertos”. Segundo a mesma fonte, o jovem não era vítima de bullying e costumava publicar fotos com armas nas redes sociais.

O avô de Guilherme disse à publicação que o adolescente sempre morou com ele e com a avó, que morreu recentemente, e não tinha contato com os pais, que eram dependentes químicos. “Era um menino bonzinho, não tinha problemas com drogas e nunca me deu trabalho”, disse o avô, que não quis ter a identidade revelada.

Guilherme tem duas irmãs mais novas, que também moram com o avô.

Fonte: Notícias ao Minuto




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.