STJ decide mandar João de Deus de volta à cadeia

A Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) formou maioria nesta terça-feira (4) para determinar o retorno do médium João de Deus para a cadeia. Os ministros Nefi Cordeiro, Saldanha Palheiro, Laurita Vaz e Rogério Scheitti votaram por negar o pedido de prisão domiciliar feito pela defesa do médium. Pediram também que seja cassada a decisão que havia autorizado a internação de João de Deus em um hospital neurológico de Goiânia. Apenas o ministro Sebastião Reis Junior votou para substituir a prisão preventiva de João de Deus por domiciliar e aplicar outras cautelares, como entrega de passaporte e a proibição de deixar a cidade de Abadiânia. A decisão do STJ foi dada em julgamento de dois pedidos de habeas corpus agora a tarde em Brasília. João de Deus foi preso em dezembro do ano passado. Em 22 de março o ministro Nefi Cordeiro autorizou que o detento fosse transferido para o Instituto de Neurologia de Goiânia para cuidar da saúde. Vale lembrar que o prazo da internação do João de Deus terminou no último domingo (02) depois de ser prorrogada por duas vezes.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.