Ratinho apoia Jair Bolsonaro, massacra greve e público reage

Carlos Massa, o Ratinho, causou polêmica entre os seus seguidores após uma manifestação contrária a manifestação feita após os cortes na Educação. A greve aconteceu na última quarta-feira (14) e paralisou várias cidades do País em uma marcha conduzida por estudantes e professores de várias instituições, públicas e particulares.

O texto compartilhado por Ratinho no Instagram não é dele, mas de Luciano Hang, dono da Havan, que se declarou contra o ato. Para o empresário, a greve foi formada por estudantes “que não estudam” e apoiada por professores “que não ensinam”. A atitude vai em acordo as opiniões expressas pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL), que chamou os manifestantes de “idiotas úteis”.

Além da manifestação contra estudantes e professores, o apoiador do atual governo mandou um recado para o Partido dos Trabalhadores (PT). “Greve dos estudantes que não estudam, apoiada por professores que não ensinam e promovida pelo Partido dos Trabalhadores que não trabalham. Quem faz paralisação em dia letivo, não está preocupado com a educação e sim prejudicar o governo que quer melhorar o nosso Brasil”, declarou ele.

O texto apoiado por Ratinho não foi bem visto pelos seus seguidores. André Vasco, apresentador e ex-SBT, lamentou a posição do colega: “Poxa, pai Ratinho, ai sacaneou. Não é por ai. Generalizar de uma maneira dessa é uma total ação impensada. Te amo, mas não concordo. Você mais do que ninguém sabe a importância da educação para esse país ter mais oportunidades e igualdade”. Com informações do RD1.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.