Projeto prevê construção de presídios em Goiás

O diretor-geral de Administração Penitenciária, coronel Edson Costa, participou na última quinta-feira, dia 26, de uma reunião para viabilizar financiamento junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento (BNDES) para a construção e aparelhamento das unidades prisionais em Goiás.

A iniciativa, de acordo com o coronel, busca ampliar número de vagas para presos no Estado. A Dgap terá o auxílio de uma consultoria, contratada em parceria com o Sebrae, que irá assessorar a diretoria para formatar uma proposta a ser apresentada ao BNDES.

“Estamos tratando com a perspectiva de unidades que serão construídas, visando a implantação do sistema de regionalização das unidades e da classificação dos presos, de acordo com a sua periculosidade”, diz coronel Edson. Ele reforça também que o objetivo é trazer recursos para a construção de 20 a 30 unidades para diminuir o déficit de 10 mil vagas que há atualmente no sistema prisional.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.