Presidente filipino xinga comissário da ONU de ‘filho da p.’

ANSA – O polêmico presidente da Filipinas, Rodrigo Duterte, chamou nesta quarta-feira (4) de “cabeça oca” e de “filho da puta” o alto comissário da Organização das Nações Unidas (ONU) para os Direitos Humanos, Zeid Ra’ad al Hussein.

A declaração do chefe de Estado filipino acontece cerca de um mês após Hussein ter sugerido que Duterte passe por uma “avaliação psiquiátrica”.

“Comissário, filho da puta, necessito ir ao psiquiatra? O psiquiatra me disse: ‘o senhor está bem, só é arrogante e desbocado. Mas a quem te criticou, diga que penso que tem a cabeça oca'”, disse o líder da Filipinas.

Além disso, Duterte afirmou que o comissário jordaniano possui uma “grande cabeça”, mas que “está vazia”. O atrito entre Hussein e Duterte começou após as denúncias da ONU sobre as execuções durante a chamada “guerra antidrogas” na Filipinas, na qual mais de sete mil pessoas já morreram desde que o líder filipino chegou ao poder, em 2016.

Duterte, de 73 anos, é conhecido pelas suas declarações agressivas. Ele já chamou de “filho da puta” o ex-presidente norte-americano Barack Obama, o papa Francisco, representantes da União Europeia e outras autoridades mundiais.

Em novembro passado, ele fez ameaças que iria “esbofetear” a relatora especial da ONU, Agnes Callamard, que criticou a guerra antidrogas do país.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.