Presidente Bolsonaro dá resposta ao boicote Burger King

Em um tuíte neste sábado (04), o presidente da República, Jair Bolsonaro, respondeu indiretamente ao vídeo do Burger King que “desafia” o presidente. Bolsonaro disse que empresas privadas podem fazer a propaganda ideológica que quiserem, desde que não seja utilizado dinheiro público. Após polêmica, o Burger King é alvo de boicote nas redes sociais.

“Qualquer empresa privada tem liberdade para promover valores e ideologias que bem entendem. O público decide o que faz. O que não pode ser permitido é o uso de dinheiro dos trabalhadores para isso. Não é censura, é respeito pela população brasileira”, declarou Bolsonaro em seu Twitter.

Na manhã de hoje e boa parte do dia, a polêmica tomou os trends do Twitter com a hashtag #BoicoteBurgerKing. No vídeo citado, a rede de lanchonetes faz uma chamada para pessoas que participaram de um comercial que foi cesurado nas últimas semana, se referindo à campanha feita pelo Banco do Brasil e vetada por Bolsonaro. O comercial que teria alguns segundos iria custar R$ 17 milhões. A filha de Jair Bolsonaro postou um meme em seu Instagram do presidente lanchando no McDonalds.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.