Policial civil mata tenente da PM

O desentendimento em uma boate de Águas Claras, na madrugada desta segunda-feira (15/4), terminou com a morte de um tenente da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF). Segundo a corporação, o suspeito dos disparos é um policial civil, que atirou três vezes contra Herison de Oliveira Bezerra. Uma mulher de 39 anos, também foi atingida na coxa e levada para o Instituto Hospital de Base, orientada e estável.

Ainda de acordo coma PMDF, a corporação foi acionada por volta das 3h10. Quando militares chegaram ao local, o policial civil teria confessado ser o autor dos disparos. Ele não teve a identidade revelada, apuramos que é lotado na 14ª Delegacia de Polícia (Gama). O tenente foi alvejado no tórax e socorrido ao Hospital Regional de Taguatinga (HRT), mas não resistiu e faleceu às 4h.

Polícia Civil informou que às 3h, uma equipe da Polícia Militar conduziu o policial civil, de 39, até a 21ª Delegacia de Polícia (Taguatinga Sul), por ter efetuado disparos de arma de fogo no interior da casa noturna, no Setor Arniqueiras, em Águas Claras. E ele foi levado à Corregedoria-Geral de Polícia (CGP/PCDF), onde está sendo autuado em flagrante por homicídio e lesão corporal. Após esse procedimento, o policial civil ficará à disposição da Justiça.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.