Padre surta e afunda cabeça de bebê na água várias vezes durante batismo; imagens fortes

O batismo é considerado um ritual importante para os cristãos. No entanto, ela tem características diferentes em algumas religiões.

Para os evangélicos, o batismo acontece quando a pessoa já é grande, porém para os católicos a cerimônia é realizada em crianças bem pequenas, em muitos casos ainda são bebezinhos.

Uma mãe ficou chocada com o jeito que o padre fez com seu filho de apenas um ano durante o batismo.

Revoltada, ela tentou a todo custo impedir que o religioso continuasse com o ritual. O caso aconteceu na Rússia, na cidade de Gatchina, região de Lenigrado, que fica localizada a aproximadamente 50 km ao sul de São Petersburgo.

O padre da igreja Ortodoxa acabou sendo banido após a tentativa de batizar a criança de forma violenta. O religioso foi identificado como Foty e depois do terrível episódio vai ficar afastado de suas atividades por um ano. O registro da imagem é forte e mostra com detalhes como tudo aconteceu.

No vídeo, o padre aparece tentando afundar a criança várias vezes dentro da água. O bebê está visivelmente irritado, mas mesmo assim o religioso continua tentando mergulhar o pequeno à força. De acordo com a imprensa local, o bebê acabou ficando com alguns arranhões e hematomas.

O padre ainda tentou se defender dizendo que os pais da criança não tinham conhecimento de como era a cerimônia. O sacerdote afirmou que sua intenção era mergulhar o bebê três vezes, conforme as regras do ritual, mas a mãe teria tido um comportamento emocional.

A diocese fez uma nota se desculpando pelo ocorrido e que o religioso havia sido banido de suas tarefas dentro da igreja.

O vídeo viralizou no país e vem repercutindo no mundo todo. As imagens chocam pela violência usada pelo sacerdote. As imagens provocaram grande comoção nos russos e chamou a atenção de autoridade da capital.

Fonte: Baixada Viva Notícias



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.