A Polícia Civil de Morrinhos cumpriu, no dia 21 de setembro, mandado de prisão preventiva em desfavor de Wanderson Feitoza Alves, vulgarmente conhecido como Murrão, de 20 anos, pela prática do crime de tráfico de drogas, cuja pena pode chegar a 15 anos de reclusão. Em junho do corrente ano, Wanderson havia sido preso em flagrante pela prática do crime de tráfico de drogas, sendo o flagrante convertido em prisão domiciliar.

Após o esgotamento do prazo da prisão domiciliar, o juízo local determinou a prisão de Wanderson, expedindo mandado de prisão preventiva em seu desfavor. Além do crime em questão, o investigado possui outros registros criminais pela prática dos crimes de lesão corporal doméstica e tráfico de drogas.