A maldição do The voice: 3 mortos em menos de um mês

Uma semana após Christina Grimmie ser assassinada por um fã, outro ex-calouro do The Voice morreu baleado nos Estados Unidos.

Alejandro “Jano” Fuentes foi abordado enquanto estava dentro do carro no bairro de Brighton Park, em Chicago, na última quinta-feira (16).

Segundo o jornal Chicago Tribune, o mexicano foi morto logo após a festa que celebrou seus 45 anos de vida. O homem armado ordenou que ele saísse do carro e depois disparou vários tiros, atingindo-o na cabeça.

Fuentes foi socorrido e levado para o Hospital Mount Sinai. Em estado crítico, ele ficou internado até sábado (18), quando morreu, de acordo com o escritório legista do condado de Cook. O atirador ainda não foi identificado.

“Jano” participou da versão mexicana do The Voice em 2011. Desde então, é dono de um estúdio em Chicago, onde ensinava música, dança e interpretação.

Ele é o terceiro integrante do The Voice a morrer em menos de um mês. Além de Christina Grimmie, o sertanejo Renan Ribeiro foi vítima de um acidente fatal no dia 30 de maio, na Rodovia João Tozella (SP-147), em Mogi Mirim (SP).




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.