Mãe de jovem que esfaqueou fiéis diz que filho tem esquizofrenia

A mãe do pedreiro Uilker Alves, de 28 anos, que confessou ter invadido uma igreja e esfaqueado quatro fiéis, afirmou que o filho tem esquizofrenia e pode ter agido após um surto.

Em entrevista ao G1, a costureira Eulice Maria Teixeira Alves, de 54 anos, contou ter desmaiado ao saber da notícia sobre o ataque cometido pelo filho.

A mãe tenta na Justiça tirar o suspeito da prisão, mas condena a atitude dele. “Eu acho que isso aí é coisa do diabo, sabe. Como é que pode sair por aí esfaqueando os outros desse jeito? Eu não cubro erro de ninguém. Não acho correto o que ele fez, mas tenho que ajudá-lo”, pondera.

Uiker foi preso logo após o ataque. Eulice e o ex-marido, Antônio Moreira Alves, de 57 anos, estão em Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital, para tentar ajudar o filho. Eles até contrataram a advogada Cláudia Barbosa de Resende Rodrigues para auxiliá-los.

O crime foi cometido na manhã de domingo (2), na Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, no Setor Colina Azul.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.