Macaco no Zoológico é diagnosticado com febre amarela

Na noite desta sexta-feira (8), a equipe do Zoológico de São Paulo detectou um macaco com febre amarela. De acordo com informações de profissionais da prefeitura e do governo do estado, o bugio está vivo, isolado e sob monitoramento.

A recomendação das secretarias de saúde é que apenas pessoas imunizadas visitem o local e também o Jardim Botânico.

Após a confirmação do diagnóstico, a gestão municipal iniciou uma força tarefa para vacinação dos visitantes e da população do entorno da região. Lá, a cobertura vacinal da febre amarela é de 60%.

Na campanha, haverá postos volantes e profissionais visitarão casa por casa em um raio de 300 metros em torno do Zoológico. Essa é a distância estimada dos mosquitos Sabethes ou Haemagogus, responsáveis pela transmissão da febre amarela.

Fonte: VEJA




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.