JUSTIÇA QUEBRA SIGILO DE ADVOGADO DE TEMER

A Justiça Federal em Brasília quebrou o sigilo bancário do advogado Antonio Claudio Mariz de Oliveira, que defendeu Michel Temer, dentro de investigação sobre a suposta compra do silêncio de Eduardo Cunha e Lúcio Funaro pelo empresário Joesley Batista.

Na mesma decisão, de 15 de janeiro, o juiz Vallisney de Souza Oliveira também mandou abrir as transações financeiras de 15 empresas da holding J&F, entre elas a JBS, a Vigor e a JBJ Agropecuária.

As informações são do O Antagonista.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.