Idoso leva tiro de arma de choque da Guarda Municipal por reclamar de falta de atendimento em UPA

Um senhor grita de dor ao levar um tiro de arma de choque no interior de uma UPA depois de reclamar de falta de atendimento

O Fato aconteceu na UPA do Boqueirão de Canoas no dia 05/04. Ao fazer uma reclamação pela demora no atendimento, um idoso, cujo nome não foi divulgado, foi contido por um disparo de arma de choque pela Guarda Municipal de Canoas.

No vídeo que circula pelas redes sociais vemos os gritos de dor desse senhor, que havia buscado auxílio médico por já estar doente. O que mais chamou a atenção é que mesmo após levar um disparo de arma de choque nenhum médico ou enfermeiro veio auxiliar o senhor que gritava de dor.

Nota da Prefeitura de Canoas:

A Prefeitura de Canoas diz lamentar o ocorrido e que está dando toda assistência tanto para a família quanto para o homem que aparece no vídeo. A Prefeitura também se solidariza com os servidores públicos de diferentes áreas que diariamente atendem ao público e que muitas vezes têm sua vida ou integridade física em risco, como foi o caso ocorrido nesta sexta-feira na UPA Boqueirão onde os profissionais da unidade precisaram acionar a Guarda Municipal para conter as agressões realizadas pelo paciente que já é conhecido por inúmeras ocorrências e antecedentes. Mesmo assim, a Prefeitura informa que fará averiguação e avaliação de todos os procedimentos adotados na situação.

 




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.