Goiás vence e vai à final em busca do quinto título goiano consecutivo

Com a vantagem dos 3 a 0 no jogo de ida das semifinais do Campeonato Goiano, o Goiás podia até perder por dois gols de diferença, mas resolveu não dar chance para o azar e aplicou 3 a 1 no Goiânia, na Serrinha, neste sábado, às 16h (de Brasília). Com o resultado, os comandados de Barbieri esperam o vencedor de Atlético-GO e Vila Nova, em jogo que acontece neste domingo, no Estádio Antônio Accioly, para saber quem enfrentarão na grande final do estadual.

Apesar de algumas investidas do Goiânia, foi o Goiás, aniversariante do dia (76 anos), quem dominou a partida durante todo o primeiro tempo. Como premiação (e também contando com algumas falhas da defesa adversária), o Esmeraldino chegou ao primeiro gol com Brenner, aos 13 minutos, e depois ampliou o marcador com Renatinho aos 39.

Na segunda etapa, jogo mais truncado, com alguns cartões amarelos, mas ainda assim o Goiás seguiu bem melhor na partida e com oportunidades de marcar, com Rafael Vaz e Marlone e Leandro Barcia. Aos 37, porém, o Goiânia fez o gol de honra com Du Gaia, mas o Goiás fez mais um com Michael de cabeça no fim do jogo.

Com o resultado, o Goiás soma 6 a 1 no agregado e vai para a final do Campeonato Goiano em busca do quinto título consecutivo da competição. Agora, a equipe aguarda o duelo entre Atlético-GO e Vila Nova, que acontece no domingo às 16h. Os dois empataram por 1 a 1 no jogo de ida e a vaga para a final está aberta.

O jogo

A primeira chegada foi do Goiás, com Renatinho, que cobrou escanteio fechado e mandou a bola para o travessão. Depois, novamente ele aos dez minutos, finalizou com perigo, com a bola passando bem perto da trave. O bom momento da equipe foi premiado com um gol, aos 13 minutos, após falha da defesa do Goiânia: Brenner roubou a bola e bateu na saída do goleiro Márcio, abrindo o placar.

A resposta veio aos 17 com Du Gaia, mas Sidão defendeu. Depois, Alisson Taddei aproveitou erro no recuo adversário e bateu por cima do goleiro, sem passar a bola para Gaia que estava logo ao seu lado e poderia ter empatado a partida. O Goiás, então, voltou a pressionar. Partindo para metade do primeiro tempo, Marlone tentou de cabeça, mas Márcio defendeu, porém, aos 39, Renatinho não perdoou após furada do zagueiro Talis e ampliou a vantagem. 2 a 0 no Serrinha.

Na segunda etapa, um duelo um pouco mais truncado, com alguns cartões amarelos. A primeira chance aconteceu aos 13 minutos, com chute de Michael e defesa de Márcio. Na sobra, Leandro Barcia cruzou na área com perigo, mas ninguém conseguiu completar a jogada.

No meio da segunda etapa, Rafael Vaz chutou de longa distância e obrigou uma grande defesa de Márcio, depois Marlone tirou tinta do travessão em cobrança de falta e Leandro Barcia desperdiçou chance ao chutar por cima do gol após passe de Marcinho. Ainda tentando fazer um gol de honra nos dois jogos, ida e volta, o Goiânia acertou o travessão aos 32 minutos e chegou ao tento redentor aos 37, com Du Gaia após cruzamento de Miguel.

Após cobrança de falta de Daniel Guedes, no fim do jogo, Michael cabeceou e fechou o placar em 3 a 1.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.