Em partida acirrada, Vila Nova vence Aparecidense por 2 a 1 fora de casa

Em partida muito acirrada, Alan Mineiro marca duas vezes e o Vila Nova vence a Aparecidense por 2 a 1 fora de casa.

O começo de jogo foi bastante estudado e muito cauteloso, porém a primeira oportunidade da partida foi da Aparecidense. Alex Henrique fez ótima jogada pela direita, invadiu a área e rolou para o artilheiro Nonato, que mandou à direita da meta colorada, desperdiçando a chance de inaugurar o marcador.

Embora fosse um jogo muito estudado e equilibrado, devido as condições do gramado e a chuva; nos 10 minutos iniciais as equipes já haviam cometido sete faltas. E aos 17 minutos, o treinador Edson Júnior teve de fazer a primeira alteração na sua equipe, pois o meia Alex Henrique sentiu uma lesão muscular e ficou sem condições de jogo. Na vaga de Alex Henrique, entrou Aloísio.

Após a substituição, o time da Aparecidense adiantou as linhas de marcação e passou a ficar mais tempo no campo de ataque, e a chegar perigosamente ao ataque, como aos 25 minutos, quando após boa jogada, Aloísio entrou com liberdade na área e chutou em cima do goleiro Saulo. Na sequência, aos 29 minutos, Moisés tocou para Nonato, que fez ótimo corta-luz, para a bola ficar com Uederson, que cortou a marcação e finalizou em cima da defesa.

O Vila Nova assustou, apenas aos 42 minutos, quando Capixaba arriscou de fora da área, mandando à direita da meta defendida pelo goleiro Pedro Henrique. No lance seguinte, o lateral-direito Felipe Rodrigues saiu machucado, para a entrada do volante Araújo que passou a atuar improvisado na lateral.

O primeiro tempo terminou empatado sem gols, com o gramado molhado, e o jogo marcado por muitas faltas.

Segundo tempo

Na volta do intervalo, o Camaleão continuava pressionando o Vila Nova, tanto que aos 12 minutos, Umberto Louzer fez a segunda alteração no colorado: tirando Capixaba, para a entrada de Elias. E o meia Elias, aos 16 minutos, fez ótima jogada em contra-ataque e deixou Alan Mineiro na cara do gol, que tocou no canto do goleiro Pedro Henrique, para abrir o placar: Vila Nova 1 a 0.

Aos 20 minutos, o atacante Uederson soltou o braço no rosto de Neto Moura e foi expulso de campo. Com a expulsão, Edson Júnior teve de tirar Nonato e Aloísio, para as entradas de Aleílson e Negueba.

O jogo passou a ficar nervoso do lado do Camaleão, enquanto o Vila Nova ia administrando a vantagem, até aos 37 minutos, quando Alan Mineiro tabelou com Elias e soltou uma bomba de fora da área, pra estufar as redes. Vila Nova 2 a 0.

Na saída de bola o Camaleão foi pra cima com Rafael Cruz, que cortou a marcação e levantou a bola na cabeça de Negueba, que cabeceou sem chances para a defesa do goleiro colorado. Aparecidense 1 x 2 Vila Nova.

Após o gol de honra, o time da Aparecidense – mesmo com um jogador a menos – foi pra cima do Tigre, pressionando em busca do empate; dando espaço para contra-ataques ao Vila Nova.

Os minutos finais foram de muita emoção com chances reais de gols para ambos os lados, porém aos 50 minutos o árbitro encerrou a partida. Vitória do Vila Nova por 2 a 1.

PRÓXIMOS JOGOS

A Aparecidense entra em campo, a princípio, no sábado (23) às 16h contra o Atlético-GO no Estádio Antônio Accioly. Já o Vila Nova encara, no domingo (24) às 17h no Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, o Goiás.

Fonte: Torcedores.com




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.