Dória é o nome natural do PSDB, afirma Jardel Sebba

Líder tucano acredita que Jair Bolsonaro, presidente da República, erra ao indicar o nome do filho Eduardo Bolsonaro para a Embaixada dos Estados Unidos das Américas

Tucano quer agenda com redução do Estado, estancamento da sangria da corrupção, desonerações, incentivos creditícios e fiscais para promover o desenvolvimento

Renato Dias

O governador do Estado de São Paulo, ex-prefeito da Capital, João Dória, é o nome natural, hoje, do PSDB, para disputar as eleições à Presidência da República, no ano de 2022, informa, com exclusividade, Jardel Sebba, ex-presidente da Assembleia Legislativa do Estado de Goiás, ex-deputado estadual por quatro mandatos, ex-prefeito de Catalão, ex-secretário de Estado de Gabinete, governador do Estado interino em três oportunidades à época do ‘Tempo Novo’.

– João Dória, com perfil de centro, é o homem capaz de acabar com a polarização deletéria do Brasil, retomar o crescimento econômico e gerar renda, emprego e direitos.

O líder tucano acredita que Jair Bolsonaro, presidente da República, erra ao indicar o nome do filho Eduardo Bolsonaro para a Embaixada dos Estados Unidos das Américas[EUA]. O ex – parlamentar defende a Reforma da Previdência. Para impedir o rombo, controlar o déficit, garantir a aposentadoria e os benefícios no futuro, já que a expectativa média de vida do brasileiro aumenta, enquanto elevam-se as aposentadorias e caem arrecadação e receita, diz.

– É preciso uma agenda econômica com redução do Estado, estancamento da sangria da corrupção, desonerações, incentivos creditícios e fiscais para promover o desenvolvimento.

2020 já

Médico, o ex-deputado estadual analisa que a Saúde Pública, no município de Catalão, seu reduto eleitoral, estaria em uma suposta Unidade de Terapia Intensiva, em estágio terminal. O ex-prefeito da Cidade critica ainda a extinção do Programa Remédio Entregue em Casa, a desativação de leitos, a escassez de investimentos, os cortes em projetos de cidadania e inclusão, os buracos na cidade, a ausência de pavimentação e a crise na Educação Pública.

– A unidade das oposições é o caminho para derrotar o projeto da atual administração. Uma gestão que fracassou. Gustavo Sebba é alternativa. Não é a única e pode abrir mão por um nome mais forte.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.