Cérebro de atentado no aeroporto de Istambul é morto na Geórgia

O checheno Ahmed Chatayev, suspeito de organizar o atentado no aeroporto de Istambul em junho de 2016, morreu em uma operação antiterrorista em 22 de novembro em Tbilisi, anunciaram nesta sexta-feira os serviços de segurança da Geórgia.

“Sua identidade foi estabelecida após investigação, por meio de análise de DNA e impressões digitais, com ajuda de nossos colegas dos Estados Unidos”, indicou um porta-voz dos serviços de segurança georgianos, Nino Guiorgobiani.

A imprensa turca identificou o checheno Ahmed Chatayev como o cérebro do triplo atentado realizado em 28 de junho de 2016 no aeroporto de Istambul, que causou 46 mortos.

Chatayev era o líder da célula do grupo Estado Islâmico (EI) em Istambul, segundo o jornal Hürriyet.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.