Casal é preso por vender drogas em grupos no WhatsApp

Uma operação da Coordenação de Repressão às Drogas (Cord) da Polícia Civil do DF prendeu, na última sexta-feira (9), um casal suspeito de vender drogas sintéticas para o Distrito Federal e 12 estados.

O homem de 24 anos e a mulher, de 19, foram encaminhados para a sede da Polícia Civil em Brasília, no Parque da Cidade. A identidade deles não foi divulgada para não atrapalhar as investigações.

De acordo com o G1, o casal vendia ecstasy e LSD em pelo menos três grupos de WhatsApp. A polícia informou que os grupos reuniam “centenas de usuários e subtraficantes”.

Os pagamentos eram feitos em contas de laranjas e, depois, os traficantes enviavam as drogas via Sedex pelos Correios.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.