Bebê de 1 ano morre ao ser esquecida dentro de carro pelo pai

Uma verdadeira tragédia marcou uma família no começo da noite de segunda-feira, 1º, quando um professor esqueceu a filha de um ano e seis meses dentro do carro e entrou num estabelecimento de ensino, onde dá aulas de geografia.

Ele chegou ao local à tarde e na saída do prédio, no começo da noite, se deu conta da criança, que ele levaria para a casa de familiares antes de ir trabalhar, o que era feito costumeiramente pela mãe, que ensina numa instituição privada à tarde, segundo informações de algumas pessoas.

Suspeita-se que, por ter saído da rotina, o pai não se lembrou de ter deixado o bebê no veículo.

Testemunhas contaram que, em total desespero, ele tirou a filha de dentro do veículo e correu com ela nos braços, no meio da avenida, gritando por socorro até a chegada de policiais militares.

Quando chegaram ao local, a criança já estava no chão. Um tenente da PM fez uma massagem cardíaca e disse que ela deu sinal de vida.

O bebê foi levado para o Hospital da Criança Santo Antônio (HCSA), onde deu entrada na emergência. Os médicos tentaram o procedimento de reanimação, mas não tiveram êxito.

O carro permaneceu estacionado no local do incidente. Segundo as informações apuradas pela Folha, a criança foi vítima do calor intenso, uma vez que o automóvel ficou exposto ao sol durante toda a tarde de ontem.

O caso já está sendo investigado. A informação de um amigo da família é de que ontem mesmo o pai da criança foi à Central de Flagrantes no 5º DP prestar depoimento. Bastante emocionado, ele compartilhou um áudio nas redes sociais pedindo para que as pessoas tivessem cautela ao divulgar informações.

“Quero, consternado, pedir aos amigos que não postem coisas sobre as quais não tenha certeza. Eu o conheço de perto, é meu amigo, meu irmão”, relatou emocionado o homem se referindo ao pai do bebê.

“Ele saiu da rotina dele e esqueceu a filha no carro. Neste momento, ele está no 5º DP. Infelizmente, acontece uma tragédia dessa e ele ainda está prestando depoimento. O que eu quero dizer é que houve essa tragédia e que nenhum pai em sã consciência vai deixar um filho dentro de um carro”, lamentou.

O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal de Boa Vista (RR) para necropsia e vai ser transladado para sepultamento na Paraíba, conforme decisão da família.

Fonte: Baixada Viva Notícias




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.