Ação fiscal: 30 toneladas de milho a granel com nota inidônea

A Receita Estadual autuou os proprietários de 30 toneladas de milho a granel. A carreta que transportava o produto foi abordada no Posto da Polícia Rodoviária Federal em Anápolis, rodovia Br-060, no sentido Distrito Federal (DF). A autuação foi pelos auditores da Delegacia Regional de Fiscalização de Anápolis.

De acordo informações dos auditores fiscais envolvidos na ação, a nota fiscal inidônea constava origem do Distrito Federal (DF) com destino ao Espírito Santo, o que configurou a irregularidade, já que a carreta estava carregada em Goiás, antes mesmo de chegar ao DF.

A base de cálculo da mercadoria foi avaliada em R$ 17 mil. Entre ICMS e multa sem redução, a autuação foi de R$ 4 mil.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.